• Legal Bot

COMPLIANCE NO SETOR FINANCEIRO: A DIGITALIZAÇÃO REGULATÓRIA NA COMPETITIVIDADE BANCÁRIA

A crise financeira global de 2008 levou a uma reflexão sobre a robustez

dos pilares do sistema financeiro contemporâneo.





Com a intenção de restabelecer a confiança, ao longo dos últimos dez anos

o setor financeiro foi confrontado com uma “avalanche regulatória" sem precedentes, visando maior estabilidade financeira, integridade de mercado e proteção aos clientes.


​Restrições na alavancagem, políticas de conduta e de remuneração, mudanças na mensuração dos riscos, agravamento nas punições, penalidades e multas, além de muitas outras medidas, são exemplos de regulamentações que se tornaram necessárias. Tudo isso levou a uma maior atenção ao se fazer negócios e a um aumento considerável dos gastos associados à conformidade


A maioria das regulamentações, como não poderia ser diferente, atingiram o setor financeiro e bancário, incluindo a flexibilização que permitiu a entrada das Fintechs no jogo e de novas atividades bancárias como P2P (empréstimo coletivo), Open Banking (compartilhamento de dados e informações financeiras entre instituições) e o PIX (novo meio de pagamentos instantâneos).


O modelo ágil já é uma realidade. Empresas e instituições buscam constantemente identificar o quanto de esforço e recursos devem alocar e investir em compliance e como torná-lo ainda mais ágil e eficiente.


A transformação digital no setor financeiro


Com a transformação digital, o setor financeiro e bancário viveu uma revolução com agentes focando em partes específicas dessa cadeia, não obstante os clientes agora desejam — e com razão — a mesma experiência de usuário que usufruem nas mídias e no varejo também nos serviços bancários. Só que a parte que tange a interação do usuário é só a ponta do iceberg, engloba uns 10% das operações do banco. E o back e middle office? É necessário que essa mesma transformação chegue nos processos internos dos bancos para que possam se beneficiar plenamente do potencial econômico gerado por essa revolução.


Não se limita apenas a se permanecer em conformidade, mas ser capaz de identificar as oportunidades e ter agilidade para beneficiar-se rapidamente. Talvez esteja aqui o principal campo de competitividade bancária para a próxima década como monitoramento das publicações regulatórias e seus desdobramentos internos, integração de clientes com processos relevantes, supervisão de todas as transações que têm o potencial de lavagem de dinheiro, desvios de sanções/problemas de fraude, proteção de dados e privacidade.

Para resolver essa dor, sua organização pode contar com os serviços da Legalbot e suas soluções regulatórias. Entre em contato e descubra como você poderá simplificar a regulamentação e diminuir consideravelmente seus custos com compliance regulatório.


Quer ter acesso ao nosso Ebook completo sobre digitalização regulatória nas empresas, com um case do setor financeiro? Baixe gratuitamente nosso ebook!

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo